SIDEBAR
»
S
I
D
E
B
A
R
«
VIOLÊNCIA E POPRUA
Maio 14th, 2018 by Magdalves

 

Do rio que tudo arrasta se diz que é violento. Mas ninguém diz violentas as margens que o comprimem. (Bertold Brecht)

 

A violência não é um fenômeno novo na sociedade. Desde que o mundo é mundo, o viver foi um viver violento.

Nos primeiros tempos da humanidade, o ser humano se utilizava da violência  como ato necessário à sua autopreservação. Os primeiros instrumentos construídos pelo Homem foram instrumentos de ataque e defesa. Era a lei do mais forte, considerando-se apenas a força física.

Todos os animais, e o ser humano entre eles, trazem consigo um impulso agressivo que utiliza no seu posicionamento em situações que considera adversas.

E A POPULAÇÃO DE RUA NISSO?

Estar em situação de rua é viver num mundo de exclusões sucessivas. Eu sempre repito que a identidade das pessoas em situação de rua se constrói a partir de perdas:

Expulso da terra – onde tinha não apenas seu abrigo mas seu meio de sustento, este homem ou esta mulher saiu pelo mundo em busca de um novo lugar.

Espoliado em seus direitos – chegando em qualquer lugar, foi considerado desqualificada para aquele modo de vida e teve seu direito de morar e trabalhar negado, passando a viver abandonado e amargurado.

Excluído da sociedade – as portas se fecham ainda mais e além de colocar sobre seus ombros o peso deste processo, as pessoas passam a considerar que foi uma escolha dele viver desse jeito: vagabundo que não quer trabalhar, pessoa mal acostumada que não aceita as regras da sociedade, um pária.

Vamos refletir sobre isso? Veja: http://mmaconsultoria.com/?page_id=3034&preview=true


Leave a Reply

http://mmaconsultoria.com/?p=3036You must be logged in to post a comment.

»  Substance: WordPress   »  Style: Ahren Ahimsa